Harry Potter Wiki
Advertisement
Harry Potter Wiki

O Feitiço do Patrono (Expecto Patronum) é o mais famoso e um dos encantos defensivos mais poderosas conhecidos. É um imensamente complicado e extremamente difícil feitiço que evoca uma força de energia positiva parcialmente tangível conhecido como um Patrono (pl. Patronos) ou guardião espírito. É a proteção primária contra dementadores... Ele é um do feitiços mais medonhos, por exemplo no filme O Prisioneiro De Azkaban Rony Weasley pensou em uma coisa ruim e em outra engraçada, ele pensou em uma aranha, depois pensou em patins e a aranha apareceu usando patins e isso se tornou engraçado, então para consegui fazer o patronum é preciso lembrar de uma memória bem feliz, O Mr Harry Potter, pensou em sua familia, e ele conseguiu fazer o feitiço, pq essa era uma memória das melhores memórias de Harry, e a com mais felicidade suficiente para conjurar o Patronum

•História•

É evidente, a partir xilogravuras e pergaminhos antigos, que o Feitiço do Patrono tem sido usado desde os tempos antigos. Portanto, não se sabe quem o criou ou quando foi feito pela primeira vez. O feitiço também tem uma longa associação com aqueles que lutam por causas nobres (aqueles capazes de produzir Patronos corporais são muitas vezes eleito para um alto cargo na Suprema Corte dos Bruxos e do Ministério da Mágia).

Harry Potter teve aulas de anti-dementadores, a fim de aprender o encanto. Durante um jogo de Quadribol contra Corvinal, em 1994, ele lançou seu primeiro patrono corpóreo e novamente em junho, quando ele, juntamente com Hermione Granger e Sirius Black, estavam sendo atacados por mais de cem dementadores, ele lançou um Patrono corpóreo poderoso o suficiente para enxotá-los.

Harry também ensinou os membros Armada de Dumbledore a lançar o feitiço e alguns foram bem sucedidos.

O feitiço foi usada com frequência para afastar os dementadores tais como quando o trio escapou do Ministério da Magia após a obtenção do medalhão Horcrux e durante a Batalha de Hogwarts. Severo Snape também conjurou um patrono para guiar Harry para o esconderijo da Espada de Grifinória.

Descrição

A grande maioria dos bruxos e bruxas são incapazes de produzir qualquer forma de Patrono, e para criar mesmo um intangível é geralmente considerado uma marca da habilidade mágica superior.

Dificuldade

O Feitiço do Patrono é amplamente considerado como magia avançada, além do nível NIEM, em 1994 Remo Lupin afirmou que o encanto era, de fato "ridiculamente avançado". É muito complexo e muitos bruxos e bruxas qualificados têm problemas com ele. De fato, Harry Potter é um dos bruxos mais jovem conhecidas capaz de lançar um patrono; ele foi ensinado como fazê-lo no início de 1994 com a idade de treze por Remus Lupin. Em uma lição da Armada de Dumbledore, Harry ensinou os membros a usar o charme. Alguns foram mesmo bem sucedidos em lançar uma forma corpórea, embora Harry disse que isso pode ser porque não havia um Dementador para deixa-los assustados. No entanto, três membros foram depois capazes de lançar Patronos corporais na presença de Dementadores.

O Patrono

Um Patrono evocado com sucesso pode assumir duas formas: não-corporal ou corporal, e ambos os tipos variam muito tanto em aparência quanto em força.

Incorpóreo

Um patrono incorpóreo é aquele que não se assemelha a qualquer criatura viva e tem algumas características distintas (se houver). Patronos incorpóreos se assemelham a uma explosão de vapor ou fumaça sem qualquer forma claramente definida a partir da ponta da varinha. Enquanto eles podem ser parcialmente eficazes em impedir dementadores (mas não repeli-los), Patronos incorpóreos não são patronos "de pleno direito", e são considerados como uma versão mais primitiva ou mais fraca do verdadeiro feitiço.

Corpóreo

Um patrono corpóreo é aquele que está completamente formado, tendo a forma de uma animal branco brilhante e translúcido. As formas de animais variam de pessoa para pessoa e refletem a personalidade de cada indivíduo.

As formas, no entanto, estão sujeitas a alterações, se o lançador passa por um abalo emocional de algum tipo. Por exemplo, o patrono de Ninfadora Tonks mudou de sua forma anterior para o de um criatura de quadrúpede que outros acreditavam ser um lobisomem, porque então refletia o seu amor por Remo Lupin, ele próprio um lobisomem. Outro exemplo é Severo Snape, cujo patrono era o de uma corça, o mesmo que Lilian Evans, embora isso possa ter sido sempre assim, em vez de uma mudança de sua forma original, como Snape estava apaixonado por Lilian pela maior parte de sua vida. Baseado no fato de que Patronos são evocadas por recordar memórias felizes, é lógico que um patrono pode mudar sua forma depois de alguém se apaixonar e as memórias utilizadas para evocar o patrono mudam. Além disso, parece que alguns casais têm patronos (formas masculina e feminina do mesmo animal) "complementares", como Lilian e Tiago Potter. É, no entanto, não se sabe se esta é ou não uma coincidência. Se um bruxo é um Animago e pode convocar um patrono corpóreo, os dois podem assumir a mesma forma, como foi o caso de Minerva McGonagall e Tiago Potter.

A maioria dos Patronos assumem a forma de um animal normal. Criaturas mágicas, como o patrono fênix de Alvo Dumbledore, são incomuns. É extremamente raro eles assumirem a forma de animais extintos. O mamute de Hedley Fleetwood é uma notável exceção. Andros o Incivilizável foi o único bruxo capaz de conjurar um patrono do tamanho de um gigante.

O Patrono corpóreo também é melhor para afastar dementadores do que o incorpóreo.

Usos conhecidos

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban

  • Quando um dementador invade o Expresso de Hogwarts e Lupin o faz desaparecer.
  • Lupin ensina Harry Potter a usar o feitiço contra os Dementadores, usando um Bicho-Papão para treinar.
  • Defende Harry Potter e Sirius de uma centena de dementadores, e depois ao voltar no tempo o próprio Harry Potter o faz com sucesso, aparecendo o seu patrono (Cervo) pela primeira vez.

Harry Potter e o Cálice de Fogo

  • Harry o usa na terceira tarefa do Torneio Tribruxo contra um bicho-papão que assumiu a forma de um dementador.
  • Quando Dumbledore chama por Hagrid quando Krum é estuporado.

Harry Potter e a Ordem da Fênix

  • Quando Harry é atacado por dois Dementadores junto com seu primo Duda.
  • Os membros da Armada de Dumbledore aprendem esse feitiço.

Harry Potter e o Enigma do Príncipe

  • Os patronos são usados para enviar mensagens pelos membros da Ordem de Fênix.

Harry Potter e as Relíquias da Morte

  • Quim Shacklebolt envia uma mensagem no Patrono ao casamento de Gui Weasley e Fleur.
  • Ronald Weasley, Hermione Granger e Harry Potter para fugir de dementadores no Ministério da Magia.
  • Aberforth Dumbledore conjura um Patrono em Hogsmeade
  • Arthur Weasley conjura o seu patrono para avisar Hermione, Harry e Rony que estão bem.
  • Snape conjura um patrono para guiar Harry até a espada de Gryffindor sem se mostrar ao garoto.

Patronos Conhecidos

Muitas das personagens de Harry Potter não foram acima escritos juntamente com o seu patrono pois nos filmes, livros e várias entrevistas feitas a autora não fez tais referências.

  1. 1,0 1,1 1,2 , Capítulo B, page 12
  2. Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (filme)
  3. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas PA12
  4. JKR Official Site (Somente texto, acessado em 8 de fevereiro de 2012 por meio do Wayback Web Archive)
Advertisement