FANDOM



O Gira-Gira (em inglês Billywig) é um inseto nativo da Austrália. É avaliado XXX, e é cerca de centímetro e três milímetros de comprimento com a coloração de um azul safira vívido. A velocidade do giga-gira faz que ele raramente seja notado pelos trouxas, e bruxos e bruxas só o identificam quando são picados.[1]

Descrição Editar

As asas do gira-gira estão presas ao topo da cabeça, e as asas giram extremamente rápido, girando o gira-gira para que ele possa voar.[1] Xenofílio Lovegood usou asas de Gira-Gira para sua recriação do Diadema de Rowena Ravenclaw porque ele acreditava que eles "induziam um estado de espírito elevado".

O gira-gira também tem um longo e fino ferrão no fundo do corpo. Qualquer um que seja picado por um gira-gira sofrerá tontura, seguido de levitação, e é isso que dá ao gira-gira sua classificação de XXX. É também por isso que jovens bruxos e bruxas australianos tentam pegar gira-giras e provocá-los a picá-los. Muitas picadas, no entanto, podem levar a vítima a flutuar no ar descontrolada durante dias seguidos. Quando há uma reação alérgica forte a flutuação pode ser permanente.[1]

História Editar

Em 1926, vários gira-giras escaparam da mala de Newt Scamander durante sua visita a Nova York.[2]

Usos Editar

O ferrão seco do gira-gira é usado em várias poções e acredita-se que seja um dos ingredientes do popular doce Delícias Gasosas.[1]

Por trás das cenas Editar

Aparições Editar

Notas e referências Editar

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 Animais Fantásticos e Onde Habitam (real)
  2. Animais Fantásticos e Onde Habitam: O Roteiro Original, Cena 31


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.