FANDOM


"Nosso emblema é uma serpente, a mais sábia das criaturas; as cores de nossa casa são verde esmeralda e prata, e nossa Sala Comunal fica atrás de uma entrada escondida nas masmorras. Como você verá, suas janelas dão para as profundezas do Lago Negro. Muitas vezes vemos a lula gigante passando por lá - e às vezes criaturas mais interessantes. Gostamos de sentir que nosso ponto de encontro tem a aura de um misterioso naufrágio subaquático."
—Descrição das Masmorras[fnt]

A Masmorra da Sonserina, também conhecida como a Sala Comunal da Sonserina, serve como Sala Comunal para os estudantes na casa da Sonserina na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Em geral, possui vários tons de verde e um manto é adornado com o retrato de uma serpente (todos associados à casa).

HistóriaEditar

Harry Ron polyjuice2

Draco Malfoy sendo interrogado sem saber por Harry Potter e Rony Weasley

No segundo ano de Harry Potter, ele e Rony Weasley entraram na Sala Comunal da Sonserina disfarçados de Vicente Crabbe e Gregório Goyle com a ajuda da Poção Polissuco para tentar descobrir a identidade do Herdeiro de Slytherin. A senha de entrada era "Puro-Sangue" quando Draco Malfoy os deixou entrar. O desgaste da Poção Polissuco levou Harry e Rony a sair depois de ficar quase uma hora, ainda não descobrindo a identidade do Herdeiro de Slytherin, mas eles descobriram que não era Malfoy, como eles pensavam originalmente.

Em 1998, Harry, falava sob o pseudônimo " Válter Dudley", tentou defender sua alegação falsa de que ele era um membro da casa da Sonserina, descrevendo a localização da Masmorra para os Sequestradores .

Em 2020, após as aventuras catastróficas de Alvo Potter com o "verdadeiro" Vira-Tempo, seu pai foi ao dormitório para conversar com ele sobre os eventos.

EntradaEditar

Há uma porta no lado direito do Hall (se a descer a escadaria de mármore de frente para as portas da frente do castelo), que é mais frequentemente usada por estudantes da Sonserina para chegar à Sala Comunal. Atrás da porta há um conjunto de degraus de pedra que descem profundamente nas masmorras.

Observe que essa porta é diferente da entrada da escada estreita que leva ao escritório de Snape.

A entrada para a Salão Comunal está localizada atrás de uma parede de pedra úmida nas masmorras do Castelo de Hogwarts. É necessária uma senha para entrar; quando uma passagem é revelada, levando à Sala Comunal.

Sala Comunal da SonserinaEditar

"A Sala Comunal da Sonserina era uma sala subterrânea longa e baixa, com paredes de pedra e teto ásperos, das quais lâmpadas redondas esverdeadas estavam penduradas em correntes. Um fogo crepitava sob uma lareira elaboradamente esculpida à frente deles, e vários Sonserinos estavam em silhueta ao redor dela, em cadeiras esculpidas."
—Descrição[fnt]
576b62d8d389c87f5645b8d299b46efe

Ilustração da Sala Comunal da Sonserina, na edição especial de 20 anos de Harry Potter

A Sala Comunal é uma sala como um calabouço, com lâmpadas e cadeiras esverdeadas. Esta masmorra se estende parcialmente sob o Lago Negro, dando à luz da sala um tom verde. A sala possui muitos sofás de couro com estampa de botões, em preto e verde escuro, com encosto baixo; crânios; e armários de madeira escura. Todo o lugar esta decorado com tapeçarias, apresentando as aventuras de famosos Sonserinos Medievais. Tem uma atmosfera bastante grandiosa, mas também fria. A senha muda a cada quinzena e é afixada no quadro de avisos. Os estudantes da Sonserina são avisados ​​para nunca trazer estudantes de outras casas para a Sala Comunal ou revelar a senha. Supostamente, nenhum estranho entrou no Salão Comunal por mais de sete séculos. Até Harry e Rony entrarem lá de forma escondida.

A partir de 2016, um retrato de Horácio Slughorn tem um lugar na Sala Comunal devido à sua bravura na Batalha de Hogwarts.

Senhas ConhecidasEditar

Por Trás das CenasEditar

  • Em Harry Potter e a Câmara Secreta (jogo), há outro caminho para a Sala Comunal, onde existem vários inimigos, como Gnomos e Diabretes. Há também uma ponte entre as Masmorras e a Sala Comunal, sustentada por Ectoplasma. Um estudante da Sonserina lança Skurge no Ectoplasma, então você precisa encontrar uma maneira de restaurar a ponte.
9b16a549c734a9f425ae5bfe726a7f43 full

Sala Comunal em Harry Potter e a Câmara Secreta (filme)

  • Revelado no Pottermore: Foi revelado que muitas vezes a Lula Gigante aparece nas janelas e, às vezes, criaturas mais interessantes, e que o som de água balançando é relaxante à noite.
  • Em sua entrada para o Barão Sangrento, o glossário no site oficial da Scholastic se refere erroneamente à Sala Comunal da Sonserina como Torre da Sonserina. Um erro semelhante é cometido com o Porão da Lufa-Lufa.
  • Se nenhum não-sonserino entrou na Sala Comunal por sete séculos a partir de 1991, isso significa que a última vez que um não-sonserino entrou nela foi no final do século XIII.
  • Em Hogwarts Mistery, se o personagem do jogador for da Grifinória ou da Lufa-Lufa, eles entram furtivamente na Sala Comum da Sonserina e são pegos por Severus Snape e Felix Rosier. Como o jogo se passa na década de 1980, isso parece contradizer a afirmação de Gemma Farley de que nenhum Sonserino havia entrado na sala por séculos.
  • Não se sabe quem altera a senha da Sala Comunal.

ApariçõesEditar

Veja tambémEditar

Notas e referênciasEditar

Predefinição:Hogwarts below ground floorpt-BR: Masmorra da Sonserina
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.