FANDOM


Royston Idlewind foi um ex-jogador de Quadribol nos anos 1960, o astro da Seleção Australiana de Quadribol. Em 1971, ele foi nomeado Diretor Internacional do Comitê de Quadribol da Confederação Internacional dos Bruxos, mas posteriormente renunciou depois que os regulamentos draconianos relativos ao controle de multidões que ele impôs foram desrespeitados em massa pelos espectadores da final da Copa Mundial de Quadribol em 1974.[1]

Biografia Editar

Carreira no quadribol Editar

Como diretor internacional do ICWQC Editar

Em 1971, Royston Idlewind foi nomeado Diretor Internacional do Comitê de Quadribol da Confederação Internacional dos Bruxos. Após a sua nomeação contenciosa, ele imediatamente emitiu a declaração de que a única coisa que ele não gostava de quadribol era a multidão, ganhando assim a antipatia e desconfiança do mundo bruxo - essa aversão logo se transformou em hostilidade quando Idlewind aprovou uma série de regulamentos draconianos sobre o controle de multidões, o pior dos quais era a proibição de todas as varinhas do estádio, exceto aquelas levadas por oficiais do ICWQC.[1]

Vida posterior Editar

"Uma proibição de varinha não parece tão estúpida agora, não é?"
—Royston Idlewind, citado pelo Profeta Diário, agosto de 1994[fnt]

Idlewind parecia ter se aposentado da vida pública algum tempo depois disso. Após o incidente do Reaparecimento da Marca Negra, logo após a final da Copa Mundial de Quadribol de 1994, ele ressurgiu brevemente para dar uma declaração ao Profeta Diário sobre como as últimas ocorrências provaram que ele estava certo sobre como as varinhas deveriam ser confiscados durante as partidas internacionais de Quadribol.[1]

Aparições Editar

Notas e referências Editar

  1. 1,0 1,1 1,2 Escrito por JK Rowling: "História da Copa Mundial de Quadribol" no Pottermore
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.