"Nosso emblema é uma serpente, a mais sábia das criaturas; nossas cores são o verde esmeralda e o prata e nossa sala comunal fica localizada atrás de uma porta oculta nas masmorras. Como você vai ver, suas janelas dão vista para as profundezas do Lago Negro. Frequentemente podemos ver lulas gigantes — e às vezes criaturas mais interessantes — passando pelas vidraças. Gostamos de sentir que nossa comunal possui uma aura semelhante a um misterioso naufrágio subaquático."
—A descrição do ambiente[fnt]

A sala comunal da Sonserina, também conhecida como masmorra da Sonserina, é um local que serve de moradia para os alunos da casa enquanto residirem na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Em geral, o ambiente apresenta vários tons esverdeados e possui uma tapeçaria adornada com figuras de serpentes — associadas à casa[1].

História[editar | editar código-fonte]

Harry e Rony interrogam Draco Malfoy disfarçados pela Poção Polissuco

Durante o ano letivo de 1992-1993, Harry Potter e Rony Weasley entraram sorrateiramente na sala comunal disfarçados por meio da Poção Polissuco de Gregório Goyle e Vicente Crabbe, respectivamente, para interrogar Draco Malfoy sobre a reabertura da Câmara Secreta; o efeito da poção termina após quase uma hora, e os dois saem sem descobrir quem realmente estava por trás dos ataques ocorridos naquele ano[1].

Posteriormente, em 1998, Harry, sob o pseudônimo de "Válter Dudley", tenta defender sua falsa alegação de que era um membro da Casa Sonserina, descrevendo a localização do ambiente para os Sequestradores.

Já em 2020, após as aventuras catastróficas de Alvo Potter com o "verdadeiro" vira tempo, seu pai vai até seu dormitório e conversa com o garoto sobre tais eventos.

Entrada[editar | editar código-fonte]

Há uma porta localizada ao lado direito do Hall de Entrada — se estiver descendo a escada de mármore ao lado frontal do castelo — que é frequentemente utilizada por alunos da Sonserina[2]. Atrás da porta, está presente um conjunto de degraus de pedra que descem profundamente para as masmorras. A entrada para a comunal está localizada atrás de um trecho de pedra. Para sua entrada, é necessária uma senha, que quando dita corretamente, revela a passagem para a sala comunal[1].

Descrição[editar | editar código-fonte]

"A sala comunal da Sonserina era um aposento comprido e subterrâneo com paredes de pedra rústica, de cujo teto pendiam correntes com luzes redondas e esverdeadas. Um fogo ardia na lareira encimada por um console de madeira esculpida e ao seu redor viam-se as silhuetas de vários alunos da Sonserina em cadeiras de espaldar alto. "
—A descrição do ambiente[fnt]

Ilustração do aposento por Levi Pinfold presente na edição especial das casas de Harry Potter e a Câmara Secreta

A sala comunal, como dito, é um aposento semelhante a uma masmorra iluminada com lâmpadas e cadeiras esverdeadas. O ambiente está localizado no subsolo, mas precisamente nas profundezas do lago negro, e recebe um tom escuro dada a sua localização. Lá também está presente sofás de couro preto e verde escuro de espaldar baixo e armários de madeira negra. A sala possui uma atmosfera bastante grandiosa, no entanto fria. Também sendo decorada com enormes tapeçarias que contam as aventuras de famosos Sonserinos da era medieval.

A senha que a protege muda a cada quinze dias e é afixada no quadro de avisos. Os alunos são avisados para nunca trazer outro estudante de quaisquer outras casas para dentro da comunal, não podendo lhe revelar a senha. Supostamente, nenhum outro aluno adentrou a comunal por mais de sete séculos[3] até o então momento em que Harry Potter e Rony Weasley conseguiram entrar na sala comunal em 1992[1].

Posteriormente, em 2016, um retrato de Horácio Slughorn ganhou um lugar na sala comunal devido à sua bravura durante a Batalha de Hogwarts[4].

Aparições[editar | editar código-fonte]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 1,5 1,6 1,7 Harry Potter e a Câmara Secreta, Capítulo 12 (A Poção Polissuco)
  2. Harry Potter e a Ordem da Fênix, Capítulo 38 (Começa a Segunda Guerra)
  3. Pottermore introdução para Sonserinos
  4. Histórias de Hogwarts: Poder, Política e Poltergeists Petulantes, Capítulo 3 (Horácio Slughorn)
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.